Procedimentos e Metodologia de Trabalho da Auditoria Interna

Assim como há claras diretrizes quanto à extensão de autoridade e delegação dos vários setores da empresa, o mesmo deve ser feito em relação à auditoria interna, do modo que todos os níveis e todas as funções da empresa também fiquem formalmente conhecedores dessa extensão e autoridade profissional, assim como ficarão sabendo o ponto de vista da direção em termos de grau do suporte à auditoria interna.

Essas diretrizes, contudo, não abordam a metodologia do trabalho do auditor, entretanto esclarece adequadamente os limites de sua responsabilidade, em termos das áreas abrangidas. Ao assim proceder, fica imediatamente claro se, de fato, todas as áreas da empresa estão ou não incluídas no campo de ação da auditoria interna.

Isso significa que ninguém na empresa teria o poder de vetar a ação da auditoria interna em qualquer setor da empresa, nem, por outro lado obstruir sua ação por desconhecimento de sua abrangência.

Não se pode esquecer ao final que o auditor interno é totalmente independente em relação à organização em que trabalha. Essa maior independência é, portanto vital para que seu trabalho possa ser realizado com sucesso.

Expomos a seguir uma proposta básica que deve conter um Manual de procedimentos para a área de auditoria interna.

O Manual de procedimentos, estabelece e documenta procedimentos administrativos internos da Auditoria Interna. Abrange também, as demais áreas administrativas da, empresa em seu inter-relacionamento com a Auditoria Interna, enquanto áreas auditadas.

a) Procedimentos Administrativos

As operações administrativas consistem na realização de tarefas e atividades que precedem, acompanham e sucedem a realização das operações técnicas.

Estas atividades envolvem planejamento de atividades, programação de trabalhos específicos, formação de equipes técnicas, controle de tempo,preparação e distribuição de relatórios, arquivo de papéis de trabalho, etc.

Para orientar as operações administrativas são estabelecidos normas e procedimentos próprios, que compõem parte específica deste Manual de Procedimentos de Auditoria Interna.

b) Procedimentos Técnicos

Os procedimentos técnicos são estabelecidos para orientação da execução dos trabalhos de auditoria propriamente ditos, ou seja, as diversas atividades e passos que devem ser seguidos em cada tipo de exame/ trabalho, bem como os parâmetros para avaliação do sistema de controle interno existente em cada área.

Esses procedimentos técnicos formam, para cada tipo de exame, o “Programa de Auditoria”.

Neste Manual de Procedimentos de Auditoria Interna são abordados as metodologias e cuidados especiais para o desenvolvimento de Programas de Auditoria específicos.

(…)

Fonte: Curso – Formação de Auditores Internos, para acessar mais assuntos atualizados, clique aqui.

Vídeos em destaque:

Cursos Online em destaque:

Confira outros vídeos em nosso canal no YouTube: Escola de Auditoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *